HISTORIAL

   A atividade dos Semibreves iniciou na década de 80, com a participação em Festivais Amadores da Canção. Foi a partir de então que um grupo de jovens da freguesia da Ilha, concelho de Pombal, resolveu avançar com um projeto mais credível, onde o claro propósito de divulgar a Música Tradicional Portuguesa, seria a linha condutora.

     Em 1988 é criada a Associação Semibreves-Música Popular/Tradicional Portuguesa, tendo iniciado uma atividade ininterrupta, que ainda se mantem atualmente,  com várias atuações em diversos espetáculos, um pouco por todo o país.

    Desde o início da sua existência que a base do trabalho deste grupo de oito elementos, incide na recolha e adaptação de Música Tradicional, constituindo, assim o seu repertório.

    Com uma cassete gravada,  em 1996, intitulada “Saia Velhinha” e um Cd editado em 2001 com o nome “Sons da Ilha”, o grupo Semibreves  pretende continuar a desenvolver e a melhorar quantitativa e qualitativamente o trabalho realizado  até à data, sempre com a nobre missão  de dar a conhecer usos e costumes da região onde se insere através da música. 

 

 De entre os espetáculos realizados ao longo da sua existência, destacam-se os seguintes:

 

 

A MÚSICA DO GRUPO "SEMIBREVES"  NO PROGRAMA "CÂMARA CLARA" NA RTP-2

Dia 13 de Junho, 2010 - (programa  177)

clique no vídeo para ouvir

 

 

Legalização do Grupo

 

 

Manel Grilo 2007-2017